fordatarecovery.com

Telemóveis

Como Recuperar Dados de um Telefone Quebrado

O dia em que você nunca quis vir, infelizmente, chegou: após uma queda bastante ousada, o ecrã do seu smartphone está irreparavelmente comprometido e, infelizmente, você tem que considerar a possibilidade de comprar um novo ou enviar como garantia o que você acabou de destruir. O problema, porém, é que a memória do telefone está cheia de fotos e vídeos que você realmente se importa e que não tem absolutamente nenhuma intenção de perder: é por isso que, mesmo antes de aposentar seu telefone antigo ou enviá-lo para assistência, você abriu o Google em busca de um guia que lhe ensinaria como recuperar dados de um telefone quebrado, acabando bem no meu site.

Bem, a sua pesquisa teve o resultado esperado: nas linhas seguintes, na verdade, vou mostrar-lhe as técnicas mais eficazes para proteger as fotos, vídeos e documentos que tanto lhe interessam, seja a partir de um telefone que já não se liga, seja a partir de um smartphone cujo ecrã está irremediavelmente comprometido.

Ent√£o, de que mais est√°s √† espera para come√ßar? Corte alguns minutos de tempo livre para si pr√≥prio, ponha-se √† vontade e leia tudo o que tenho a dizer sobre o assunto com muito cuidado: estou certo de que, no final deste guia, ser√° perfeitamente capaz de escolher a melhor solu√ß√£o para o seu caso e p√ī-la em pr√°tica sem qualquer dificuldade. Dito isto, n√£o tenho mais nada a fazer sen√£o desejar-vos boa leitura e boa sorte com tudo!

Como recuperar dados de um telefone avariado que n√£o se liga

Você tem um smartphone que, infelizmente, não dá mais nenhum sinal de vida? Então tenho que lhe dizer imediatamente que acessar os dados armazenados nele é praticamente impossível com um método "faça você mesmo", pois você precisaria de ferramentas precisas para acessar a memória flash do dispositivo e ser capaz de lê-la. Uma solução seria colocar o dispositivo em serviço e solicitar a recuperação dos dados armazenados no seu interior, no entanto isso nem sempre é possível e, na maioria dos casos, extremamente caro.


O que você pode fazer em total autonomia, entretanto, é usar alguns "truques" que podem ajudá-lo a sair dessa situação irritante: você pode tentar, por exemplo, dar vida ao seu telefone, substituindo a bateria, ou acessar dados (ou uma cópia dela) através do microSD ou da nuvem. Explicarei tudo em detalhe abaixo.

Substituir a bateria

Se o seu telefone não mostrar mais sinais de vida sem causa aparente (ou seja, sem ter sofrido uma queda acidental, contato indesejado com líquidos ou coisas assim), a causa pode ser devido a uma bateria tão gasta que não pode mais segurar uma carga suficiente para ligar, mesmo por alguns minutos, o smartphone (ou a quebra repentina do mesmo).

Portanto, voc√™ pode tentar "dar vida ao telefone", substituindo-o: se a bateria for remov√≠vel, voc√™ pode comprar uma nova, indo a uma loja dedicada a itens de telefonia m√≥vel, ou online, mesmo na Amazon, se voc√™ desejar. Caso contr√°rio, se o seu telefone estiver equipado com uma bateria n√£o remov√≠vel, ter√° de se dirigir a um centro de assist√™ncia autorizado e pedir uma substitui√ß√£o ou, se for √ļtil, optar por uma solu√ß√£o "fa√ßa voc√™ mesmo". Para mais informa√ß√Ķes sobre a substitui√ß√£o de pilhas n√£o remov√≠veis, consulte o meu tutorial dedicado a este assunto.

Em qualquer caso, certifique-se de que os componentes escolhidos s√£o de alta qualidade, sem depender de solu√ß√Ķes baratas mas de origem duvidosa: lembre-se de que uma bateria defeituosa pode danificar seriamente o telefone ou o usu√°rio, al√©m de causar curto-circuitos ou at√© mesmo explos√Ķes durante o carregamento. Tenha isto em mente antes de fazer uma escolha.


Assim que a bateria tiver sido substituída, tente ligar o telefone como normalmente faria: com um pouco de sorte, a nova bateria deve permitir que ela comece a funcionar sem nenhum problema. Uma vez no sistema, eu ainda recomendo que você crie um backup dos seus dados e os atualize a cada vez, para que você possa ter certeza de que, em caso de problemas, seus arquivos não serão perdidos.

Recuperando dados de SD

Se o seu smartphone est√° equipado com mem√≥ria expans√≠vel e, anteriormente, tendo seguido o meu tutorial dedicado, transferiu os seus dados pessoais para o microSD, talvez consiga recuperar os ficheiros em que est√° interessado: de facto, se o seu telefone deixou de ligar de repente (e n√£o esteve em contacto com l√≠quidos, temperaturas extremas ou outras condi√ß√Ķes que possam danificar o seu hardware), h√° uma grande probabilidade de os dados guardados no cart√£o de mem√≥ria terem permanecido ilesos.

Neste caso, você pode facilmente recuperá-los e transferi-los para outro dispositivo, como um computador: primeiro, remova o microSD do telefone quebrado, acessando o slot localizado perto da bateria (para telefones que têm uma parte traseira removível) ou intervindo no carrinho removível, ao qual você pode acessar inserindo o gancho fornecido no orifício dedicado no slot. Se você não tem idéia de como remover o microSD do seu telefone, você pode consultar o manual do usuário ou fazer uma pequena pesquisa no Google, usando a frase como extrair o microSD [marca e modelo do telefone].

Depois de ter extraído o "cartão", tem de o inserir no seu adaptador (se não o tiver, pode obtê-lo comprando-o numa loja física ou online, mesmo na Amazon) e ligá-lo ao seu computador, inserindo-o no slot da caixa (para computadores de secretária) ou numa das conchas laterais (para computadores portáteis).


Depois disso, basta iniciar o gestor de ficheiros do seu sistema operativo (Windows File Explorer ou MacOS Finder), seleccionar o ícone do cartão de memória que acabou de inserir e copiar os ficheiros para o seu computador a partir das pastas onde os ficheiros são armazenados (por exemplo, DCIM para fotografias, Download para ficheiros descarregados e WhatsAppMedia para ficheiros multimédia recebidos do WhatsApp), tal como faria se estivesse a copiar dados a partir de um stick USB. Se precisar de ajuda com isto, consulte o meu tutorial sobre como ler o cartão SD num PC, onde eu expliquei os passos em detalhe.

Recuperar dados da nuvem


Normalmente, ao configurar inicialmente o seu sistema, tanto o Android como o iOS requerem permiss√£o para fazer backups autom√°ticos de fotos, v√≠deos e outros tipos de dados pessoais, usando os servi√ßos em nuvem Google Photo/Google Drive e iCloud respectivamente: se voc√™ configurou essas configura√ß√Ķes corretamente, h√° uma boa chance de que uma c√≥pia dos dados no seu telefone tamb√©m seja salva na nuvem.

A boa notícia, neste caso, é que esses arquivos podem ser recuperados de praticamente qualquer dispositivo, desde que você conheça as credenciais para acessar os serviços em questão: a conta Google configurada no seu telefone, para Android, ou o ID da Apple para iOS

No entanto, para se conectar √† nuvem e recuperar seus dados, siga as instru√ß√Ķes abaixo, dependendo do servi√ßo que voc√™ estiver usando.

  • Conta Google (Google Photos/Drives) - para recuperar fotos e v√≠deos salvos automaticamente no espa√ßo em nuvem do Google, conecte-se a este site e, quando solicitado, digite as credenciais do Gmail associadas ao smartphone quebrado: se tudo correu bem, voc√™ deve visualizar as fotos no meio da p√°gina da web proposta, discriminadas por data. Quanto aos documentos criados atrav√©s dos aplicativos Drive (Google Documents, Google Sheets, etc.), voc√™ pode recuper√°-los conectando-se √† p√°gina principal do servi√ßo do Google Drive.
  • Apple ID (iCloud) - para recuperar os dados no iCloud, voc√™ deve se conectar a este site, fazer login usando a ID da Apple associada ao seu dispositivo (digitando, quando necess√°rio, o e-mail e a senha do servi√ßo) e depois clicar na entrada mais inerente ao tipo de dados a serem recuperados: Fotos para imagens e v√≠deos, P√°ginas ou N√ļmeros para documentos criados pelo aplicativo do mesmo nome e Drive iCloud para todos os outros arquivos configurados para armazenamento autom√°tico na nuvem (como os do aplicativo GarageBand, por exemplo).

Al√©m disso, se costumava ouvir m√ļsica de servi√ßos como o Spotify, Apple Music, Google Play Music, Amazon Prime Music ou outras plataformas de streaming no seu smartphone, tenho √≥ptimas not√≠cias para si: a sua m√ļsica est√° sempre dispon√≠vel para acesso atrav√©s de outros dispositivos compat√≠veis ou atrav√©s das plataformas web dos servi√ßos acima mencionados.

Na pr√°tica, isso significa que tudo que voc√™ precisa fazer √© baixar os aplicativos (ou visitar os sites relevantes) e digitar suas credenciais de login para encontrar imediatamente todas as suas m√ļsicas favoritas! 

Como recuperar dados de um telefone com tela quebrada

Espere, est√° a dizer-me que o seu smartphone se liga correctamente, mas o ecr√£ est√° irreparavelmente comprometido e j√° n√£o pode receber, em qualquer lugar ou apenas em √°reas espec√≠ficas, o "toque" dos seus dedos? Ent√£o a situa√ß√£o pode vir a ser muito menos grave do que o esperado: aqui est√£o algumas solu√ß√Ķes que podem ajud√°-lo a recuperar dados de um telefone avariado em poucos minutos. Antes de prosseguir, recomendo que retire o seu cart√£o SIM do cart√£o SIM para evitar mais surpresas devido ao pedido do c√≥digo PIN.

Use o procedimento "padr√£o

Se o ecr√£ do seu smartphone estiver em peda√ßos mas o toque ainda estiver a funcionar, e puder introduzir o c√≥digo ou a sequ√™ncia de desbloqueio ao iniciar o telefone, ent√£o n√£o deve ter problemas particulares: tudo o que tem de fazer √© desbloquear o dispositivo, quando necess√°rio, e depois lig√°-lo ao PC utilizando o cabo fornecido e agir como se estivesse em condi√ß√Ķes "normais".

Na prática, você precisa acessar as pastas do seu telefone quebrado e copiar os arquivos necessários usando o gerenciador de arquivos do seu sistema operacional (File Explorer para Windows, Android File Transfer para MacOS) ou o software iTunes (para iPhones).

Use um mouse ou teclado USB

Espere, est√° a dizer-me que n√£o pode utilizar as instru√ß√Ķes acima porque o telefone se liga mas o painel t√°ctil est√° irremediavelmente comprometido, pelo que n√£o pode introduzir a sequ√™ncia de desbloqueio ou o c√≥digo necess√°rio para arrancar completamente o sistema operativo?

Se você tem um smartphone Android, você pode tentar resolver o problema usando um mouse "comum" ou teclado USB, que você pode conectar ao dispositivo quebrado através de um adaptador USB OTG. Se nunca ouviu falar, a tecnologia OTG também lhe permite ligar dispositivos como ratos, teclados e dispositivos de armazenamento em massa, tais como discos externos e pen drives, a sistemas operativos de smartphones.

Para utilizar o OTG, deve primeiro obter um adaptador concebido para o efeito, prestando atenção ao tipo de ligação exigida pelo seu smartphone: USB-C (para dispositivos Android mais recentes) ou microUSB (para a maioria dos dispositivos Android de gama baixa ou mais antigos). Aqui estão alguns deles, disponíveis na Amazon.

Ver oferta na Amazon Ver oferta na Amazon

Uma vez obtido o adaptador, ligue a extremidade "fina" √† porta dedicada do seu smartphone (aquela que utiliza para o recarregar, por exemplo) e ligue o seu rato ou teclado USB √† outra extremidade do adaptador: se tudo correr bem, o dispositivo externo deve funcionar imediatamente, sem necessidade de configura√ß√£o adicional. 

Ap√≥s efectuar o desbloqueio inicial, desligue o adaptador OTG, ligue o seu telefone ao computador e fa√ßa uma c√≥pia de seguran√ßa dos seus dados de acordo com as instru√ß√Ķes que lhe dei na sec√ß√£o imediatamente acima.

Usar o Find Personal Device/Find My mobile (apenas Samsung)

Se tiver um smartphone da Samsung, também poderá desbloquear o ecrã utilizando o serviço Find my mobile, que pode ser acedido através de qualquer browser de computador, eliminando a necessidade de utilizar um rato ou teclado via OTG.

Para sua informa√ß√£o, o servi√ßo "Personal Device Finder" permite-lhe realizar certas opera√ß√Ķes para encontrar ou proteger o seu dispositivo Samsung, tais como localiz√°-lo, fazer o telefone tocar, restaur√°-lo remotamente ou desbloquear o ecr√£.

No entanto, note que, para poder utilizar esta tecnologia, o seu telefone tem de estar ligado √† Internet e a funcionalidade tem de ser activada antecipadamente a partir do menu Defini√ß√Ķes > Tela de Bloqueio e Seguran√ßa > Encontrar dispositivo pessoal, e tem de se lembrar das credenciais da conta Samsung utilizada durante a configura√ß√£o.

Est√° tudo claro? Est√° bem, vamos a isso. Primeiro, ligue o seu telefone avariado e aguarde alguns minutos para que arranque totalmente, depois ligue-se ao website "Find My Device", prima o bot√£o Login e introduza o nome de utilizador e palavra-passe da sua conta Samsung previamente configurada, sempre que necess√°rio.

Neste ponto, o jogo est√° praticamente pronto: pressione no √≠cone do telefone exibido no mapa, clique no √≠cone Desbloquear localizado no menu do lado direito e digite novamente a senha da sua conta Samsung para confirmar sua identidade: se tudo correu bem, o servi√ßo deve desbloquear o telefone e apagar as informa√ß√Ķes relacionadas com o c√≥digo ou sequ√™ncia previamente definida.

Uma vez que você tenha acesso total ao sistema operacional, você pode criar um backup dos seus dados usando os procedimentos sugeridos acima.

Use uma Recuperação Personalizada (apenas Android)

Alguns dispositivos Android, especialmente aqueles que j√° foram submetidos ao procedimento de raiz, est√£o equipados com um pequeno sistema operacional independente do Android chamado Custom Recovery. Isto, em particular, cuida da gest√£o das partes delicadas do sistema Google, dando ao usu√°rio a possibilidade de realizar opera√ß√Ķes extremamente complexas e avan√ßadas que, caso contr√°rio, n√£o poderiam acontecer.

Para sua informa√ß√£o, os dispositivos Android em que a raiz foi executada certamente t√™m uma Recupera√ß√£o Personalizada (sem a qual o aplicativo SuperSU/SuperUser n√£o pode ser instalado, o que √© essencial para desbloquear privil√©gios de acesso avan√ßados), no entanto, alguns fabricantes de smartphones (Samsung, por exemplo) tamb√©m tendem a instalar um em seus dispositivos, a fim de facilitar as opera√ß√Ķes de diagn√≥stico para os t√©cnicos autorizados.

De qualquer forma, se o seu telefone estiver equipado com uma recuperação personalizada, você pode tentar recuperar dados a partir dele usando ADB, uma plataforma de comunicação particular entre o computador e o dispositivo Android conectado a ele.

Para come√ßar, se voc√™ estiver no Windows, voc√™ precisa baixar os drivers ADB conectando-se a este site e clicando no bot√£o Download; uma vez obtido o arquivo (por exemplo, UniversalAdbDriver.msi), inicie-o e pressione o bot√£o Next tr√™s vezes, depois os bot√Ķes Yes e Close. Em um Mac, por√©m, essa opera√ß√£o n√£o √© necess√°ria, pois voc√™ j√° a tem inclu√≠da no seu sistema operacional.

Neste ponto, você precisa instalar a ferramenta Fastboot, outra ferramenta de desenvolvimento dedicada ao Android, que lhe permite intervir através do seu computador através do Recovery instalado no sistema. Para baixar Fastboot no Windows, conecte-se a esta página da Internet, role até a seção Downloads, clique no link Download Version X.y.z Portable Here e depois no botão Click Here to Start Download and Primary Download.

Quando terminar, extraia o arquivo que acabou de descarregar para uma pasta conveniente, por exemplo na sua área de trabalho, vá até ela e, enquanto segura a tecla Shift, clique com o botão direito do rato num ponto vazio na janela, depois seleccione a janela Abrir PowerShell aqui/Open Command Prompt aqui a partir do menu proposto.

No que diz respeito ao MacOS, você pode instalar Fastboot de uma maneira bem simples: primeiro, inicie o Terminal chamando-o da pasta Other do Launchpad (o ícone do foguete localizado na barra do Dock), digite o comando ruby -e "$(curl -fsSL https://raw.githubusercontent.com/Homebrew/install/master/install)" seguido de pressionar a tecla Enter e, quando solicitado, pressione a tecla Enter novamente e digite a senha de administração do Mac.

Ap√≥s completar esta etapa (que pode levar alguns minutos), finalize a instala√ß√£o de Fastboot emitindo, em seq√ľ√™ncia, os comandos propostos abaixo (pressione a tecla Enter ap√≥s cada um deles).

  1. sala de barril/caixa de cerveja
  2. instalar barril de cerveja android-sdk
  3. instale as ferramentas da plataforma androide em barril de cerveja

Uma vez concluída a instalação Fastboot, desligue completamente o telefone e inicie-o no modo de recuperação pressionando e segurando simultaneamente as teclas Power+VolumeSu; quando isto acontecer, ligue o seu smartphone ao seu computador. Agora, se você estiver no Windows, vá para a janela de comando PowerShell/Prompt previamente aberta ou, se estiver usando macOS, abra o Terminal novamente.

Independentemente do sistema que voc√™ est√° usando, agora digite o comando adb dispositivos, seguido por pressionar a tecla Enter, para exibir os dispositivos conectados ao sistema: se tudo correu bem, voc√™ deve ver o n√ļmero de s√©rie do smartphone conectado.

Neste ponto, digite o comando adb shell para acessar o console operacional e depois o comando ls para exibir a lista de pastas na memória do Android. Para ir para a pasta do seu interesse (por exemplo, /storage), digite o comando cd /storage seguido de pressionar a tecla Enter. Quando tiver identificado a(s) pasta(s) a copiar, tome nota e saia do console do ADB emitindo o comando de saída, sem fechar PowerShell, Prompt ou Terminal.

Nota: Se as permiss√Ķes de root n√£o estiverem activas no seu terminal, poder√° n√£o ser poss√≠vel aceder ao conte√ļdo de algumas pastas do sistema. Geralmente, tais pastas n√£o devem conter dados pessoais.

Uma vez obtido o caminho para a pasta a salvar, voc√™ pode prosseguir com a c√≥pia real do mesmo digitando o comando pull "/folderDiAndroid/" /folderDelPC: por exemplo, voc√™ pode copiar a pasta DCIM no desktop do Windows digitando o comando pull "/storage/sdcard0/DCIM/" %userprofile%Desktop ou no desktop Mac digitando, em vez disso, pull "/storage/sdcard0/DCIM/" ~/Desktop. Se desejar, voc√™ tamb√©m pode usar o mesmo comando para copiar um √ļnico arquivo. Quando terminar, voc√™ pode fechar a PowerShell, o Prompt de Comando ou a janela do Terminal.

Nenhum dos procedimentos que descrevi acima conseguiu resolver o seu problema? Então você pode tentar recuperar dados do microSD ou da nuvem.

Como Recuperar o Histórico Apagado do seu Telemóvel

Como Recuperar o Histórico Apagado do seu Telemóvel

H√° alguns dias, decidiu livrar-se do hist√≥rico de navega√ß√£o guardado no seu telem√≥vel para que uma pessoa curiosa n√£o se intrometesse no seu neg√≥cio. O problema agora √© que voc√™ precisa recuperar uma p√°gina da web que voc√™ visualizou h√° algum tempo, […]

Resultados: 1